Monday, September 12, 2011

Bibliofilmes 10.º 4.ª


Marta
video


Marta / Antoine de Saint-Exupéry, O Principezinho / Muito Bom // Pontos fortes Originalidade e bom gosto (na conceção das imagens, na relação do texto com o livro) e perfeição do produto realizado (texto, leitura em voz alta, filmagem, música). Aspetos melhoráveis O principezinho está na fronteira do que considerara aconselhável para estas leituras, por ser obra quase tornada escolar ou emblemática das leituras de infância (embora erradamente). Valeria a pena pensar nas outras obras de Saint-Exupéry e até nas biografias que se ocuparam deste escritor desaparecido em voo. «Atrapalhação» é preferível a *«atrapalhamento». Hesito quanto a «creio que haja» (eu diria «creio que haverá» ou «acredito que haja»).



Miguel D.
video

Miguel D. / Douglas Preston & Lincoln Child, Maré Traiçoeira / Muito Bom // Pontos fortes Construção do texto, com um «guião» que soube planificar uma narrativa em termos de cinema, reportando-se à obra lida mas recriando-a com elegância (com uma fluidez que implicou decerto muito trabalho). Aspetos melhoráveis A leitura em voz alta do Miguel ainda não é tão perfeita quanto, por exemplo, a escrita (não notei falhas mas ainda é possível conjugar melhor naturalidade e adequação das entoações).



Inês Miranda
video

Inês Miranda / Dan Brown, O Código Da Vinci / Muito Bom // Pontos fortes Ter conseguido resolver bem a dificuldade de escrever um texto de apreciação crítica, sem nunca errar sintaxe, sem cair em banalidades, e chegando mesmo a encontrar soluções quase publicitárias, ou pedagógicas, para nos interessar pelo livro (a experiência da fita métrica). A exata velocidade da leitura em voz alta. Aspetos melhoráveis A obra escolhida. E talvez matizasse algumas das entoações mais salientes.



Sara



Sara / Sara Monteiro, O Príncipe Perfeito / Bom // Pontos fortes Leitura em voz alta. Criação de texto, se bem percebi (relanceei o livro e o texto do bibliofilme pareceu-me escrito pela Sara, a nossa; esta dúvida já mostra que a redação é boa). Aspetos melhoráveis Teria preferido outro livro (creio que esta obra foi objeto de abordagem no oitavo ano; é obra infanto-juvenil e eu pedira que procurassem outro género de livros).



Rita

Rita / Philippe Delerme, Choveu todo o domingo / Muito Bom - // Pontos fortes Criação escrita muito bem elaborada, transpondo-se em carta parte das alusões do livro. Leitura em voz alta. Grafismo e música. Aspetos melhoráveis Na redação: «misturado ao vapor» (com o vapor); «calor tédio» (tépido). Na leitura: em «decepcionaria», escreva-se ou não o P, este não se pronuncia.



Beatriz

Beatriz / Joanne Harris, Chocolate / Bom - // Pontos fortes Leitura em voz alta. Estilo narrativo inicial. Bom acabamento do trabalho. Síntese. Aspetos melhoráveis Ter-se aproveitado tanto as imagens do filme homónimo. Abordagem de reconto.



Catarina N.

Catarina N. / Rosamund Pilch, Os apanhadores de conchas / Muito Bom // Pontos fortes Conjunção de imagens, música, estilo de leitura (perfeitamente adequadas ao texto). Redação. Leitura em voz alta. Aspetos melhoráveis Extensão pedida foi ultrapassada (o que, porém, aconteceu a muitos).



Daniel

Daniel / Herman Melville, Moby Dick / Bom + // Pontos fortes Boa escolha de obra. Paralelo com vida real. Perspetiva pessoal (apesar da estratégia de reconto). Leitura em voz alta. Aspetos melhoráveis Abordagem de reconto e comentário. Na redação, alguns demonstrativos eram prescindíveis («nesta história», «este», etc.).



David

David / Eça de Queirós, A cidade e as serras / Suf // Pontos fortes Leitura em voz alta bastante aceitável (sobretudo, se consideramos extensão e dificuldade do texto). Aspetos melhoráveis Abordagem biográfica («wikipédica») e de reconto (em linguagem que o autor não domina bem). «Cônsul» é palavra grave; «mediocricidade» deve dar lugar a «mediocridade»; «entediavam-no» tem de ter o N (por a forma verbal terminar em nasal).



Rafaela

Rafaela / Susanna Tamaro, Vai aonde te leva o coração / Bom-/Suficiente+ // Pontos fortes Expressividade. Compreensão da obra lida. Boa síntese, capaz de atrair os outros à leitura. Aspetos melhoráveis Por vezes, dificuldade em gerir a expressividade que gabei (é que um ritmo tal não se pode manter num texto extenso; nas partes mais pessoais, era preferível adotar registo mais neutro, mais calmo, que contrastaria depois com trechos mais dramatizados).



Mar

Mar / Charlotte Brontë, Jane Eyre / Bom // Pontos fortes Expressão do gosto pessoal, com reconto bem feito a propósito desse entusiasmo. Aspetos melhoráveis Parte final, já num registo de apelo à leitura, pareceu-me menos revista, menos ensaiada (ficando a leitura em voz alta um pouco apressada).



Mariana

Mariana / Sophia de Mello Breyner Andresen, A Menina do Mar / Bom (-) // Pontos fortes Música, imagens, acabamento do filme, capacidade de coordenar estes vários ingredientes com o texto. Aspetos melhoráveis Por vezes, a leitura fica demasiado rápida. (E o livro escolhido quase que pertence o género que proibira, porque é mais para jovens-crianças e até já quase se tornou obra escolar.)



Núria

Núria / Anton Tchekov, Platonov / Bom + // Pontos fortes Ter-se partido de um trecho pequeno do livro para se fazer uma criação original, pessoal. Haver antes uma boa apresentação da obra. Leitura em voz alta. Aspetos melhoráveis Apesar dessa boa leitura em voz alta, uma ou outra hesitação, na segunda metade do filme.



Alexandre C.

Alexandre C. / Isabel Allende, O meu país inventado / Bom + // Pontos fortes Escolha do livro. Comparação com o caso português. Boa redação. Aspetos melhoráveis Leitura em voz alta ainda abaixo do resto. Abordagem biográfica inicial (esquecendo um pouco o livro).



Maria Inês

Maria Inês / Brad Morrel, Nirvana e o som de Seattle / Bom // Pontos fortes Tipo de obra escolhida, claramente do gosto da autora. Sintaxe própria, embora muito dependente das informações do livro. Aspetos melhoráveis Relativa escassez de escrita pessoal (em que Maria Inês brilharia mais). Leitura em voz alta boa mas demasiado rápida. Imagens exclusivamente «néticas» (ou quase).